Wednesday, February 4, 2015

Je ne suis pas Charlie

A liberdade de expressão é um direito de todas as pessoas em todas as nações. Mas não pode ser usado para justificar a violência em nenhuma situação. A liberdade da pessoa vai até o limite do respeito pela outra pessoa. Assim como alguma pessoa tem o direito de expressar-se livremente para expressar livremente. Mas temos que saber que é natural para esperar de uma reação da pessoa que foi ofendida. Me levou a pensar sobre os cartunistas do Charlie Hebdo que eles tinham o direito para desenhar o que queriam, mas sabiam que viria uma reação mais tarde. Por isso, no dia 7 de Janeiro de 2015, doze pessoas foram mortas por terroristas. Já sabiam que eles tinham um rísco de vida porque quatro anos atrás, os muçulmanos tinham ameaçado de morte a redação do jornal. De acordo com o Business Insider, o Papa Francisco, argumentou que só porque uma pessoa pode falar qualquer coisa, isso não significa que eles devam dizer várias vezes, especialmente quando é um insulto para os outros.
Para mim, o debate não mudou meu ponto de vista porque eu continuo a acreditar que eu não sou Charlie Hebdo. Todos  nós temos o direito para nos expressar livremente. Mas não devemos insultar as opiniões dos outros. A minha opinião não justifica o que os terroristas fizeram. Mas explica o ato de violencia porque eles o anunciavam há muitos anos. Particularmente, não gosto do trabalho dos cartunistas Franceses porque eles são agressivos com Papa Francisco, Maomé, Jesus Cristo. Existem muitos assuntos no mundo que poderiam servir de temas para esses cartunistas. Temas que poderiam ser positivos para as pessoas. Por tudo isso, não sou Charlie. “Je ne suis pas Charlie”


2 comments:

  1. Eu totalmente concordo com sua opinião, voce fez um excelente trabalho suporta sua ideia com muito evidencia. Bom trabalho

    ReplyDelete
    Replies
    1. Obrigada. Mas o que você acha sobre as pessoas que é para o Charlie Hebdo? E também me levou de pensar sobre o que as pessoas para o Charlie Hebdo pensem sobre nós?

      Delete