Sunday, November 30, 2014

Vida Complicada...

O Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) foi criado para avaliar os conhecimentos dos estudantes que terminaram o ensino médio. Algumas instituições vêm utilizando nos últimos anos essa nota para o ingresso na universidade. No entanto, não são todas as instituições que útilizam só isso porque depende das notas dos outros candidatos que fizeram o vestibular. Por exemplo, na Fuvest (fundação para vestibular), o Enem tem peso 1 e o vestibular peso 4.
Na Coreia, tem um exame muito difícil e grande para entrar na universidade. Além disso, o candidato deve apresentar boas notas no ensino médio (GPA) e escrever uma redação para se apresentar na universidade. Se o candidato estava fora da Coreia mais de 3 anos incluindo o 10° ano do ensino médio, o teste é diferente e mais facil. Caso o candidato estava fora da Coreia do primeiro ao décimo ano, está isento do exame, mas precisa apresentar um bom GPA e atividades extracurriculares.
Nos Estados Unidos, o processo de ingresso na universidade é consiste em: a nota do GPA (Grade Point Average) e do SAT (Scholastic Aptitude Test), uma redação, atividades extracurriculares e cartas de recomendação escritas pelos professores do ensino médio.
Eu acho que as escolas no Brasil têm que melhorar a qualidade do ensino  médio para que os candidatos estejam mais preparados para fazer o Enem. Na Coreia, as escolas realmente preparam por 3 anos os candidatos. Por isso, os estudantes coreanos no dia do exame dizem: “Eu estudei a vida inteira para este dia.” Nos Estados Unidos, o sistema de ingresso faz com que o aluno desde o 9° ano comece a construir o seu GPA até o 12° ano. Esse processo garante que o candidato estude bastante durante toda a vida escolar. Já no Brasil, o candidato não precisa apresentar bom desenvolvimento durante o ensino médio, ou seja, o candidato pode não ter feito um curso bom. Por isso, acredito que o acesso a universidade deveria ser mais democrático e mais justo porque da maneira como é hoje, o exame é mais difícil do que o conteúdo apresentado durante o ensino médio.

                      

1 comment:

  1. Laurie:

    Concordo com você, Julie. A maneira que o ingresso na universidade é organizado no Brasil acaba por dar pouco valor ao esforço e constância de estudo do aluno durante toda a sua vida escolar.

    ReplyDelete